EspetA?culos

ConfissA�es das Mulheres de Quarenta

CANGARAL PRODUZ COMA�DIA QUE FALA DA FAMOSA “CRISE DOS QUARENTA”

“ConfissA�es das Mulheres de Quarenta” mostra, com leveza, o que passa na vida e na cabeA�a das mulheres de quarenta anos.

Amores, angA?stias, desejos, medos, beleza. Esses e outros sentimentos sA?o retratados com muito humor, na comA�dia “ConfissA�es das Mulheres de Quarenta”, que estreia em Belo Horizonte, no dia 20 de abril.
Com texto de Clarice Niskier e Domingos de Oliveira, a peA�a conta a histA?ria de quatro mulheres, atrizes e amigas, que se reA?nem para escrever um texto teatral. Enquanto a peA�a A� produzida, o quarteto A� obrigado a confrontar seus prA?prios problemas e vivA?ncias, alA�m de assuntos do dia-a-dia, como carreira, marido e filhos. Misturando humor leve e uma crA?nica da mulher contemporA?nea, o espetA?culo promete arrancar boas risadas do pA?blico.

O espetA?culo apresenta questA�es da rotina feminina como descontrole emocional, hormonal, filhos, sexo e trabalho. Tudo isso se torna mais difA�cil quando elas comeA�am a questionar e a fazer descobertas acerca das mulheres que chegam aos 40 anos.

A direA�A?o de “ConfissA�es das Mulheres de Quarenta” A� dos renomados atores/diretores Ilvio Amaral celebrex without prescription, purchase clomid. e MaurA�cio CanguA�u que alA�m de diversas direA�A�es de muito sucesso atuam nos fenA?menos Acredite, Um EspA�rito baixou em Mim, Os Sem Vergonhas, A Idade da Ameixa entre outros.

Sobre as atrizes e personagens:
Babi (Maria Alice Rodrigues) acredita no amor e A� sempre muito romA?ntica. Vive idealizando os homens. Financeiramente bem resolvida, vive em um mundo de dA?vidas.
Maria Alice Rodrigues A� conhecida pelo pA?blico no drama, jA? ganhou prA?mio de melhor atriz nos espetA?culos “Perdoa-me por me traA�res” e “Te quero como queres, me queres como podes”. Pela primeira vez, faz comA�dia.
“Estou achando uma delA�cia, mas muito difA�cil fazer esse gA?nero. A� muito desafiador”, fala Maria Alice. De acordo com ela, o espetA?culo fala de um universo que nA?o prevalece o nA?mero 40, pois esses conflitos apresentados na peA�a as mulheres de 30, 35, 40 vivem.
Priscila (Polyana Horta) A� casada hA? mais de 20 anos com o bem conceituado diretor Mariano e se sente sobrecarregada com todas as tarefas a ela direcionadas pelo fato de ser “a mulher do diretor”.
Polyana ressalta que estA? na faixa dos 30 anos, mas “mesmo assim a gente jA? sente muita coisa que uma mulher de quarenta sente. A� muito difA�cil falar de mulher. O mais legal de tudo A� que todo mundo passa por esses tipos de situaA�A�es”, afirma.
A� a primeira vez que Polyana faz comA�dia. “Sou do teatro de rua. Trabalho muito com o Grupo GalpA?o. Para mim A� muito diferente do que faA�o normalmente e A� difA�cil fazer comA�dia”, ressalta.
Bel (HeloA�sa Prado) A� um “mulherA?o”, casada com um artista plA?stico ciumento, que acha que todos os homens querem ter um caso com ela. E ela, por sua vez, se sente diminuA�da por hoje, aos 40, nA?o ser mais chamada para os grandes trabalhos como antigamente.
Para HeloA�sa, a experiA?ncia nos palcos estA? sendo maravilhosa. “A� uma oportunidade de a gente falar um pouco mais das nossas afliA�A�es, alegrias, pois estamos chegando aos 40. A� uma terapia. A� um texto muito real. AtA� para decorar A� muito fA?cil, pois A� muito prA?ximo da gente”, ressalta.
EugA?nia (Rosana Meneghini) A� uma mulher casada com um homem mal humorado, aos 43 anos estA? grA?vida do seu segundo filho e vive os tormentos de uma possA�vel perda do bebA?, bem como das dificuldades de se ter um filho nos dias de hoje.
ApA?s 12 anos fora dos palcos, Rosana retorna com Ilvio e MaurA�cio que a iniciaram na comA�dia. “Fazer comA�dia para mim A� muito natural e trabalhar com esse tema A� muito bom. Tenho 42 anos e tudo que se fala na peA�a A� verdade. Falo o texto que A� meu”, afirmou.

ServiA�o:
EspetA?culo: ConfissA�es das Mulheres de Quarenta
ClassificaA�A?o: 10 anos
Temporada: 20/04 a 10/06. Sexta e sA?bado, A�s 20h e domingo, A�s 19h
Local: SpetA?culo Casa de Artes
EndereA�o: Rua Pouso Alegre, nA? 1568, Santa Tereza, Belo Horizonte
Ingressos: RS 30,00 (inteira), R$ 15,00 (meia) e R$ 12,00 (Sinparc)
DuraA�A?o: 70 minutos
InformaA�A�es: (31) 3481 1670

FICHA TA�CNICA
Texto: Clarice Niskier e Domingos Oliveira. ColaboraA�A?o de Priscilla Rozenbaum, Dedina Bernadelli e CacA? MourthA�
DireA�A?o: Ilvio Amaral e MaurA�cio CanguA�u
ProduA�A?o: Cangaral ProduA�A�es ArtA�sticas e SA�lvio Ferreira
Elenco: Maria Alice Rodrigues, Polyana Horta, HeloA�sa Prado e Rosana Meneghini
DireA�A?o de ProduA�A?o: SA�lvio Ferreira
CenA?rio: Cynthia Dias
Figurino: Camila Torres
Assessoria de Imprensa: Luciana Rocha
Fotografia: Bianca Aun
Visagismo: Tiago Colombini
CenotA�cnicos: SA�rgio Oliveira e OlA�mpio CanguA�u
MA?sica original: RogA�ria Meneghini e Sandra Brown
SeleA�A?o musical: Ilvio Amaral e MaurA�cio CanguA�u
ProduA�A?o Geral: Cangaral ProduA�A�es ArtA�sticas

Galeria de fotos

  • header-confissoes

Clipping